• Direitos Humanos

Direitos Humanos

20/07/2022

TJPR disponibiliza peritos antropológicos para processos envolvendo indígenas

Recentemente, o  Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, por meio do  Cadastro de Auxiliares da Justiça - CAJU, passou a disponibilizar aos juízes e promotores de Justiça intérpretes e antropólogos nos processos que envolvem pessoas indígenas. Assim, nesses casos, pode o MP requerer judicialmente a designação de perito auxiliar tradutor e/ou antropólogo, o que permitirá o cumprimento das normas previstas na Resolução nº 287/2019 do Conselho Nacional de Justiça. 

 

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem